Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Patrícia Lobo

Patrícia Lobo

Melhores leituras no #MangalipaMania

16.05.20, Patrícia Lobo

Alguns meses depois, decidi aparecer por aqui! Hoje, venho falar-vos sobre as duas melhores leituras no #MangalipaMania, a competição de leitura que deixou booktubers, bookstagrams e leitores comuns virados do avesso.

IMG_0313 (2).JPG

 

THE TURN OF THE KEY, RUTH WARE

A minha primeira leitura para o #MangalipaMania foi o The Turn Of The Key, da Ruth Ware. Antes da competição começar, este livro foi uma das recomendações dadas pelas duas criadores deste desafio, a Manganet e a Filipabooks.

Esta história é narrada na primeira pessoa pela personagem principal: Rowan. Todo o livro é uma enorma carta escrita pela própria, na prisão, para o advogado que ela pretende que defenda o seu caso, uma vez que ela foi acusada do homicídio de uma criança. 

Rowan começa por explicar como se tornou babysitter dos filhos do casal Elincourt, e descreve também a maravilhosa smart house da família. Luzes que se acendem por comandos de voz, câmaras em tudo o que é canto, altifalantes incorporados em cada divisão da casa. Mas, nem tudo é maravilhoso porque, a dada altura, esta tecnologia toda parece pregar-lhe partidas nas piores alturas possíveis. 

É na sequência destes eventos que uma das crianças morre e Rowan é acusada do seu homicídio.

 

OPINIÃO

Devo dizer, que a certa altura do livro me esqueci que Rowan escrevia uma carta, pela forma como me deixei envolver pela história e pelas personagens. 

Ao longo do livro vamos conhecendo mais sobre o passado de Rowan e a forma como todas as peças se encaixam na história que conta agora ao advogado, de forma a fazê-lo crer que é inocente de todas as acusações que a levaram à prisão.

Este livro traz-nos uma narrativa de puro suspense do início ao fim. O facto de ter acompanhado a leitura com o audiobook tornou também toda a experiência muito mais interessante.

Não estava nada à espera do desfecho desta leitura, pelo que consolidou ainda mais as cinco estrelas óbvias que já iria dar a este livro. Conquistou-me desde a primeira página. Recomendo muito a sua leitura e para quem puder, oiça/acompanhe a leitura com o audiobook, porque não se irá arrepender.

 

Wook | Livro ~ Ebook

Bertrand | Livro ~ Ebook

 

A HISTÓRIA QUE COMEÇA EM NÓS, ROBIN BENWAY

Outra das leituras cinco estrelas no #MangalipaMania foi o livro A História que Começa em Nós, da Robin Benway. Neste livro temos três narradores: a Grace, a Maya e o Joaquin. Eles são irmãos mas não se conhecem.

A Grace tem 17 anos e foi adoptada à nascença. Sempre teve uma vida feliz, junto dos pais adoptivos, mas um acontecimento importante na vida dela, faz com que queira procurar a sua família biológica e descobre então que tem dois irmãos. A Maya e o Joaquin.

A Maya é a mais nova dos três irmãos e à semelhança de Grace, também foi adoptada à nascença. No entanto, a família está a passar por uma fase menos agradável e Maya tenta encontrar algum sustento emocional nos dois irmãos biológicos.

Por fim, temos o Joaquin que não teve tanta sorte como as suas duas irmãs e nunca foi adoptado, tendo passado toda a sua vida em várias famílias de acolhimento. Por essa mesma razão, ele é um jovem bastante reservado e instável emocionalmente e não se mostra muito entusiasmado por conhecer Grace e Maya.

 

OPINIÃO

Nem sei por onde começar a falar bem deste livro! Adorei que tivesse sido contado a três vozes. Conseguimos captar muito bem os sentimentos de cada uma personagens e, pessoalmente, consegui manter uma ligação muito forte com cada um deles. Gostei particularmente de acompanhar a grande mudança da vida de Grace, que a levou a tomar a decisão de procurar a família biológica, e o Joaquin... Às vezes só me apetecia entrar no livro e abraçá-lo, a sério. Não teve uma vida fácil.

Apesar do grande foco do livro ser a relação familiar e a busca pelo verdadeiro significado de família, este livro aborda também muitos outros temas relevantes, como a gravidez na adolescência, relacionamento gay, alcoolismo, violência, etc.

A História Que Começa em Nós é também um livro que vos recomendo, sem dúvida alguma. Apesar de todas as coisas menos positivas que são abordadas ao longo da leitura, o final deixou-me um quentinho no coração.

 

Wook | Livro

Bertrand | Livro

 

Espero que se encontrem bem e em casa. Se já leram algum destes livros, deixem a vossa opinião aqui nos comentários e muito obrigada por visitarem o blog!

2 comentários

Comentar post